Em: Notícias CDLNITEROI | Slideshow

Começa o período de liquidações em Niterói

Lojas investem em promoções para tentar zerar estoques do Natal com expectativa de ‘queimas de estoque’

Lojistas investem em liquidações para zerar os estoques do Natal e Réveillon. No Plaza Shopping e no Bay Market, ambos no Centro, as vitrines já estão tomadas por faixas com descontos de até 60% de descontos nos produtos. De acordo com o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Niterói, Fabiano Gonçalves, o período forte das promoções tem início nesta segunda-feira.

Para Fabiano Gonçalves, a escolha por iniciar os saldões e liquidações em janeiro se dá pelo período de troca de presentes, principalmente porque o Natal e o Ano Novo caíram no meio da semana, permitindo um tempo útil para troca.

“Muitas lojas mantiveram os preços praticados no Natal porque, esse ano, tivemos de quinta a sábado para trocar os presentes, o que poderia inclusive gerar um problema quanto ao estoque para troca e também de retorno para o comércio, ao trocar uma peça adquirida por um valor durante o Natal pela mesma em preço promocional.”

As promoções esse ano têm ainda uma motivação maior, devido ao faturamento inferior ao estimado pelo comércio no período de festas, que foi de 2,7% contra os 7% esperados. E quem ganha com isso é o consumidor, que poderá escolher a melhor dentre as tantas ofertas lançadas no mês.

“Eu sempre deixo para fazer compras após o Natal e o Ano Novo, visando especificamente as promoções. E além disso, ainda pesquiso preços, pois cada loja estabelece o seu critério de desconto e, se procurar bem, é possível achar o mesmo produto com valor menor”, explica a vendedora Alessandra Cristina Marques.

Contudo, os preços praticados no ano passado no período de liquidações deixaram alguns consumidores desmotivados com o período, como no caso do advogado Leandro Mendonça Oliveira, que justifica que em anos anteriores os saldões eram mais atrativos.

“Esse período de liquidação já foi melhor, tínhamos incentivos maiores quanto às ofertas e os preços, até mesmo quando acabava o Natal já começavam a surgir queimas de estoque. Eram lojas onde, na compra de uma peça, o cliente ganhava outra, ou tinha desconto conforme o número de peças”, diz.

Uma loja de lingeries no Shopping Bay Market já modificou a decoração e a disposição das mercadorias expostas. A gerente do local, Cristiana Ouverney Paixão disse que o movimento ainda é fraco por conta da promoção ter sido antecipada para janeiro.

“Ano passado fizemos em fevereiro, mas como iniciamos agora, ainda espero que as vendas melhorem. A maioria dos produtos está com 50% de desconto. As ofertas vão até o dia 31”, disse a gerente.

Rotina – Aproveitar a baixa de preços após o Natal é rotina da funcionária pública Sheila Retine, de 53 anos.

“A gente tem que saber aproveitar as ofertas. Aquela sandália que você não pode comprar em dezembro, agora está num preço bom e vai baixar ainda mais. No Natal mesmo, só presenteio as crianças da família. Para os adultos, é daqui em diante que começo a escolher. Comprei duas blusas que custavam cerca de R$ 50 cada, por R$ 15,90 a unidade”, explica.

A cabeleireira Antônia Maria da Silva, de 50, confessou que estava apenas de passagem pelo shopping, mas não resistiu aos descontos em uma loja de perfumes e cosméticos.

“Vi que estava em liquidação e resolvi levar. Se eu pudesse, eu comprava todo dia”, comemora.

O militar Ricelli Gomes, de 31 anos, diz que este é o momento certo de pesquisar.

“Estou analisando os preços para saber o que tem de promoção em relação ao Natal e ao Ano Novo. Procuro camisas e bermudas, por conta deste calorão”, declarou.

De acordo com a gerente de loja de roupas femininas, na Rua Moreira César, Mara Vicentini, as ofertas foram utilizadas pela rede de lojas como estratégia de vendas para atrair clientes durante o período de festas, tendo sido feito um bazar com peças com valor até R$ 79, e a iniciativa será mantida também em janeiro.

Outras lojas também devem aderir à liquidação apenas no final do mês. Isso porque os saldões dessas lojas são realizados durante uma semana antes da troca da coleção primavera-verão pela de outono-inverno.

 

Fonte: O Fluminense