Em: Notícias CDLNITEROI | Slideshow

Comércio de Niterói aposta nas liquidações após carnaval

Lojistas do município fazem promoções de até 80% para queimar o estoque para a chegada da coleção outono/inverno. Segundo empresários, turistas também impulsionam economia 

Esta é a hora dos consumidores aproveitarem as liquidações e gastarem menos. Nesta época do ano ocorre a troca da coleção de primavera/verão para outono/inverno nas lojas e o comércio também quer acabar com os estoques que sobraram do Natal. O resultado são descontos que chegam a 80%. De acordo com o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Niterói, Fabiano Gonçalves, este é o momento em que os comerciantes investem nas promoções para manter o fluxo de vendas movimentado, após o período de lucros com o fim do ano.

Fabiano Gonçalves disse que, após o carnaval, os comerciantes ainda aproveitam a presença dos turistas para fazer a queima dos estoques da primavera/verão, que está chegando ao fim.

“Como está chegando uma nova estação (outono/inverno), o comércio vê a necessidade de acabar com a coleção antiga. Isso porque é um segmento sazonal e você lida com roupas e sapatos, principalmente. E fevereiro é um mês curto, ideal para promoções. Além disso, o carnaval no início do mês atrai muitos turistas para Niterói e para cidades vizinhas como o Rio de Janeiro, que está repleta de gente de fora, e muitos deles virão também para cá. As lojas em promoção ficam bem atrativas e buscam esse consumidor que vem de outras cidades e outros estados”, ressaltou.

As maiores liquidações, ainda de acordo com o presidente da CDL/Niterói, estão acontecendo nos bairros de Icaraí, Jardim Icaraí e do Centro, principalmente, por conta do comércio de rua e dos shoppings.

“Esse é o momento. Na realidade o comerciante trabalha para manter o mês de fevereiro que é, historicamente, um mês muito fraco para o comércio, salvo papelaria e livraria, que têm o pico do comércio escolar”, ressalta o presidente da CDL-Niterói, completando, ainda, que o carnaval no início de fevereiro é muito bom, pois o comerciante ainda tem o meio e o fim do mês para recuperar suas vendas.

Fabiano Gonçalves também lembra que no início do ano as famílias estão mais preocupadas com o material escolar e o pagamento do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA). Por esses motivos é que os lojistas investem nas promoções para atrair os clientes, segundo o presidente da CDL-Niterói.

“Após o carnaval as aulas começam e as pessoas voltam à rotina de comprar roupas, calçados etc. As mulheres investem em maquiagens e adereços. Já no setor automotivo, para quem tem carro, este mês é ruim porque tem o pagamento do IPVA e as manutenções preventivas – como troca de pneus e pinturas. E além de fevereiro, outro mês crítico para o comércio é abril, quando são comemorados dois feriados (dias 21 e 23)”, lembrou o presidente da CDL-Niterói.

Fonte: O Fluminense