Em: Notícias CDLNITEROI

Como incentivar a inovação em sua pequena empresa

Dentre inúmeras ideias de inovação existentes, destacamos sete princípios que todo líder precisa saber para garantir o sucesso contínuo de sua organização.

Inovação. A palavra é repetida à exaustão e, muitas vezes, seu real significado perde-se no meio do dia a dia. Sem inovação, uma organização fica estagnada e fadada ao fracasso, uma vez que repete os mesmos erros e acertos em um ciclo sem fim. Dentre inúmeras ideias de inovação existentes, destacamos sete princípios que todo líder precisa saber para garantir o sucesso contínuo de sua organização.

Veja abaixo a lista de sete dicas de inovação e veja como elas podem te ajudar a levar o conceito para dentro de sua empresa:

1 – Inspiração:a inspiração pode vir de onde você nem imagina, inclusive de falhas. Aliás, partir de um ponto de dor é um ótimo start para começar a buscar qualquer inovação. Olhe sua empresa com cuidado e veja áreas que mais sentem dor. A partir disso, comece a identificar os pontos possíveis de serem mudados e comece a agir em cima disso.

2 – Ouça colaboradores: na correria do dia a dia do empreendedor, que precisa dar conta de tudo, nem sempre é possível parar e ouvir o que os seus colaboradores têm a dizer. Pois saiba que eles têm lições valiosas para compartilhar com você que podem ajudar você a encontrar os pontos de sua empresa que mais precisam de inovação para oxigenar e crescer. Tente criar um modelo recorrente de reuniões de status para que vocês troquem idéias.

3- Ouça clientes:essa é a fonte de informação mais barata e importante que existe, no entanto, nem sempre é utilizada pelas empresas. Ter estreito contato com clientes para interpretar seus desejos pode lhe fornecer boas idéias de oportunidades de negócio para a empresa.

4 – Valorize e recompense:reconhecer o esforço pessoal e da equipe, estabelecer objetivos claros e determinar formas de mensuração são estimulantes. As recompensas podem ser financeiras ou não, por exemplo, presentes, placas, troféus, folgas, comunicações públicas. O importante é que o empreendedor atrele às recompensas a criação de oportunidades de inovação para serem desenvolvidas pela empresa.

5 – Invista em seu time: não considere o investimento em sua equipe como um curso extra, como um investimento que tem como objetivo principal ampliar a capacidade de usar melhor os recursos da empresa e, principalmente, desenvolver produtos e serviços inovadores.

6-Saber voltar atrás: toda inovação é arriscada, pois mesmo planejando, o resultado pode não ser o esperando. Por isso, qualquer que seja a mudança, deve-se mensurar resultados, com indicadores pré-estabelecidos. Se você concluir que a ação não está gerando o resultado esperado, tenha a humildade de parar e repensá-la.

7 – Repetição:crie um processo de inovação recorrente, para que o processo criativo de inovar não se perca pelo caminho. Pode ser por meio das reuniões recorrentes ou mesmo do projeto de valorização e recompensas: para o bem dos colaboradores e da organização, é importante que líderes estejam sempre ligados para buscar oportunidades nas idéias de inovação.

Fonte: Pensando Grande