Em: Notícias CDLNITEROI

Conselho de segurança – Redução de roubos e letalidade de jovens periféricos

A segurança é uma preocupação antiga da CDL Niterói. Por isso, como costume, aconteceu na manhã desta quinta-feira, 3, na sede da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de NIterói, mais uma edição do Conselho Municipal de Segurança, grupo que visa debater demandas e soluções da área da segurança pública.

Como de costume, diversas autoridades participaram do conselho, como o Comandante Sylvio Ricardo Ciuffo Guerra, do 12º BPM , coronel Paulo Henrique e Camila Meirelles, do Gabinete de Gestão Integrada Municipal, e o capitão David Gonçalves, Niterói Presente.

O comandante abriu a reunião com um discurso orgulhoso: “Digo aos senhores com muita satisfação que conseguimos, mais uma vez, nos manter dentro da meta estabelecida”, disse. 

Os índices foram apresentados e reforçaram a diminuição da violência: -35,26% de roubo de rua e -53,88% de roubo de veículos, comparados ao mesmo mês em 2018.

Para o capitão Davi, os números são resultado de um trabalho em conjunto. “O problema da violência só se resolve com integração e sincronia”, afirmou.

Outro tema abordado foi a morte de jovens periféricos. “Existem parcelas da população que são mais vulneráveis, e a juventude é uma delas”, declarou o coronel Sylvio Guerra. Por isso, segundo ele, programas como o Poupança Escola foram criados. 

O projeto em questão oferece uma bolsa para que a criança e o adolescente possam permanecer no colégio. E, para manter o jovem envolvido, escolas com ensino em período integral também seriam uma solução para o problema. Além disso, o coronel disse que existe a intenção de se criar um projeto voltado para jovens que já têm histórico de violência. 

Como afirmou, a intenção é que o adolescente não volte a cometer delitos: “Precisamos cuidar desse jovem para que ele não continue no caminho do crime”.