Em: Notícias CDLNITEROI

Investindo em jovens de baixa renda

 

O Instituto Direcionar, que tem como objetivo promover a qualidade da educação na rede pública e privada através de parcerias inteligentes e pragmáticas e educar e capacitar jovens de forma integral para ingresso em instituições de ensino de alto nível, foi fundado há cerca de dois anos pelo especialista em finanças Eduardo Filho. Ele vê no projeto uma forma de oferecer oportunidades de crescimento pessoal e profissional para jovens carentes. A atuação do Instituto atualmente é na comunidade do Morro do Cavalão, na Zona Sul de Niterói, e pode expandir-se em breve para outras localidades.

De acordo com dados do IBOPE – 2005, 65% da população brasileira economicamente ativa são considerados analfabetos funcionais, ou seja, são incapazes de realizar operações básicas de matemática e leituras reflexivas. Considerando que, atualmente, o Brasil ocupa a 8ª colocação entre as maiores economias do mundo, esse dado indica um desenvolvimento desequilibrado. Além da má distribuição de renda, a força de trabalho brasileira é despreparada e não acompanha o ritmo de desenvolvimento do país, ocasionando um inchaço na economia informal, no subemprego e, sobretudo, um aumento no número de desempregados por falta de qualificação mínima.

O projeto visa desenvolver jovens através de um modelo educacional inovador, envolvendo educação formal de qualidade, acompanhamento psicopedagógico, imersão cultural, mentoria e acompanhamento familiar.

O “Direcionar Aluno”, programa do Instituto Direcionar, teve início de suas atividades práticas neste ano de 2012, onde foram matriculados no Colégio Salesianos, em Santa Rosa, sete jovens entre o 9° ano e o 1° do ensino médio.

A seleção dos jovens para participar do programa é feita nas famílias que moram no Morro do Cavalão. Eduardo Filho conta que o processo seletivo leva em conta não somente o jovem, como também o ambiente familiar em que ele está inserido. Fundamental para participar do projeto é a família também entender e defender que a educação é um diferencial na vida das crianças.

Os alunos selecionados possuem acompanhamento psicológico uma vez por semana, além de orientação pedagógica e atividades socioculturais quinzenalmente, para que possam integrar- se na sociedade em que vão passar a conviver.

Nathany Carvalho faz parte do grupo de jovens selecionados pelo Instituto. Matriculada no Salesianos, a jovem recebe, além do apoio financeiro para os estudos através da bolsa, todo o apoio do Instituto Direcionar. Começando o ano de 2012 em sua nova escola, a aluna vem apresentando bons indicadores de evolução. O acompanhamento aponta que a maior dificuldade dos jovens não está na adaptação ao ambiente, mas sim ao conteúdo, tendo em vista que o ensino público brasileiro apresenta graves problemas estruturais, como falta de professores, entre muitos outros.

Tendo em vista todo o trabalho e projeto desenvolvido pelo Instituto, a CDL Niterói, através de ações de promoção e apoio, vem estimulando o crescimento do Direcionar. Fabiano Gonçalves, presidente da Câmara dos Dirigentes Lojistas de Niterói acredita no diferencial do projeto. “O instituto Direcionar tem, em sua essência, o pensamento de oferecer os mecanismos necessários para a formação não somente do jovem como um produto para o mercado de trabalho, como também uma pessoa que possa fazer a diferença na sociedade. É este tipo de cidadão, comprometido com sua sociedade, que buscamos para a cidade de Niterói”, comenta Fabiano, que entende também que o instituto trará benefícios também para o comércio local, com jovens cada vez mais qualificados e prontos para assumir papeis importantes no comércio local.

Na perspectiva de bons resultados, um novo projeto também está por vir. Chamado de “Escola Direcionada”, o projeto, ao invés de investir em um jovem de cada vez, contemplará uma escola inteira, que será acompanhada de perto pelo instituto. Duas instituições de ensino já foram escolhidas: Escola Cizínio, em São Francisco e Baltazar Bernardino em Santa Rosa.

O Instituto Direcionar recebe apoio de diversas maneiras. Tanto pessoa física, como jurídica, podem contribuir com a organização. Além de patrocinar a educação e a pesquisa em torno do assunto, as pessoas que apoiam o instituto recebem relatórios de acompanhamento dos alunos, contendo dados importantes sobre a evolução educacional dos jovens, vendo, na prática, os resultados.

Eduardo Filho, fundador do instituto direcionar, foi convidado do programa CDL Entrevista, apresentado por Fabiano Gonçalves. Veja como foi a participação do visionário investidor na educação no programa da CDL.

 

Para maiores informações sobre como apoiar o projeto, entre em contato.

 

Instituto Direcionar

Telefone: (21) 3049 2868

E-mail: atendimento@direcionar.com.br

Eduardo Filho – Fundador do Instituto: (21) 9778 9717

Victor Ladeira – Diretor Executivo: (21) 9694-2130