Em: Notícias CDLNITEROI | Slideshow

Profissionalizando o sonho de família

Empresário transforma hobby do pai em concorrida casa de samba

O nome antes curioso agora é sinônimo de “um bar de respeito” – slogan que faz jus à sua missão, por sinal bem cumprida. Criada há 27 anos como um improvisado ponto de encontro entre amigos, mas há oito consolidada como concorrido ambiente comercial com gastronomia e shows, a Toca da Gambá, no Barreto, tornou-se uma das melhores casas de samba da região metropolitana do Rio, prestigiada por renomados compositores e intérpretes do circuito musical carioca.

Por trás dessa transformação está Jairo Pacheco, o Jairinho, filho do fundador do espaço, que inicialmente abriu com mesas e mobílias velhas em um grande quintal arbóreo na Rua Carlos Gomes 23, onde uma turma se reunia para bater papo e ouvir música. No local havia ainda um pequeno campo para jogar bola e fazer churrascos de final de semana. O nome faz alusão à Toca da Raposa, local onde a seleção brasileira de futebol se concentrou em 1982 e 1986.

Hoje o local é um bar com infraestrutura completa para eventos com música ao vivo, uma equipe periodicamente treinada e tratamento acústico cumprindo a lei. Formado em Análise de Sistemas com pós-graduação em Inter.net pela UFF e em Finanças pela FGV, Jairinho deixou o antigo trabalho (de vinte anos na área de informática de uma grande empresa) e aos poucos assumiu a casa de samba após o falecimento do pai.

Jairo Pacheco e a esposa Carla na Toca da Gambá, em mais uma noite de sucesso da hoje badalada casa de samba do Barreto.

“Primeiro busquei entender o negócio do meu pai e por que motivos já dava certo sem ter a estrutura adequada. Logo percebi que era preciso mudar sem perder a essência original, que é o calor humano e a fidelização pelo hábito. Então, ainda como uma atividade paralela, fui organizando a empresa”, relembra Jairinho Pacheco, que ressalta também a quebra do paradigma de que a zona norte não pudesse ser uma região de entretenimento. “Aos poucos fomos mostrando que tínhamos condições de atrair um público diversificado, de qualquer parte da cidade, através de uma boa proposta de programa gastronômico-cultural”, lembra.

Com disposição e boas ideias, foi revelado ali um grande potencial comercial. “Foi uma mudança radical, porém pontual. Mudamos aos poucos, com foco naquilo que estávamos querendo. O atendimento, a segurança e os artistas são a alma do negócio, e o espaço é o corpo. Nenhum deles pode andar sozinho. Escuto todas as críticas e opiniões e busco uma solução que concilie as expectativas do público, dos colaboradores e da própria equipe”, explica ele.

O empresário atribui o atual e crescente sucesso da Toca da Gambá à dedicação e à antecipação. Prova disso foi a aquisição, após a recente obra de acústica exigida legalmente, de um decibelímetro digital certificado por uma empresa paulista para aferição do som produzido no ambiente. Isso demonstra a preocupação com o bem estar e a saúde auditiva de todos, sejam clientes, funcionários e vizinhos.

“Inovar é preciso. O público percebe quando os donos do local estão buscando melhorar aquilo que já é bom. Isso é respeito pelo próximo. Procuramos transmitir alegria e simpatia, além de manter um canal aberto para o diálogo com os frequentadores da casa para a correção de eventuais falhas. Do contrário, a credibilidade afunda com a empresa”, garante Jairo, que tomou como referência um pouco de cada casa de samba que frequentou.

A Toca da Gambá funciona às sextas-feiras e domingos à noite, além do último sábado de cada mês à tarde com a “feijoada à moda antiga”, todas elas com roda de samba recebendo um convidado especial diferente. Entre as atrações musicais destacam-se Jorge Aragão, Inácio Rios e o pai Zé Katimba, Marquinhos Diniz e o pai Monarco, Jorginho do Império, Nilze Carvalho, Monica Mac, Gusttavo Clarão, os irmãos Sombra e Sombrinha, entre outros. Fora dessas datas, abre para eventos corporativos privados, mediante reserva antecipada. Também cede espaço para shows beneficentes de MPB da associação Serumano Solidário, formada por músicos do eixo Rio – Niterói – São Gonçalo.

  • Site: tocadagamba.com.br
  • Endereço: Rua Carlos Gomes, 23 Barreto – Niterói
  • Telefones: 98493-9320 e 2627-5398
  • Facebook: Toca da Gamba Oficial
  • E-mail: contato@tocadagamba.com.br